A literatura não é apenas em palavras, mas também vive nas ilustrações, nos desenhos. A arte das ilustrações é demonstrada com alma, paz e paciência. E o caso da ilustradora Bruna Morgan, idealizadora da página ‘’Universo em bolha de tinta’’, e com apenas 23 anos já vem conquistando todo respeito e admiração pelas redes sociais. Suas ilustrações sinceras e cheias de almas e desabafos. A ilustradora nasceu em 28 de Setembro de 1994, é libriana. Mora no Rio de Janeiro, em uma comunidade.

Eu, como pessoa, sempre admirei ilustrações em tirinhas, e admito que sou fascinado. Porque já tentei fazer parte dessa arte, mas não tenho esse talento. E ainda acho que essa literatura, essa forma de arte, ela demonstra com mais facilidade a alma do autor, a situação, o momento que ele está passando. Mas só demonstra com facilidade para quem tem alma sensível.

Conheci a Bruna há pouco tempo, mas já vi diversas tirinhas dela por aí, voando, pelas redes sociais. E isso é maravilhoso, porque ela demostrou ser uma pessoa bem sensível e de bom humor. Como um sorriso de uma criança depois de receber um doce... As tirinhas tem mais haver com o que ela está passando, ou por alguma situação que já passou, na minha análise. E tenho muita certeza que sempre é feita com muito carinho e amor!

A Bruna tem um toque suave, podendo tocar um leitor sem o tocar. Tem delicadeza nos seus rabiscos, de lá e pra cá, pintando ali e aqui, vai transformando um mundinho, em um grande mundo. Em um pequeno sonho, grande.  No meu ver, ela e suas ilustrações trazem uma sensação boa, uma nostalgia, é como ler Bukowski pela manhã de sábado. Ou ir à praia pela manhã, e respira a brisa que há. A Bruna é incrível!

 

 

 

Luan FH. Escritor, escorpiano, ama bandas indies brasileiras.

Escritor das páginas Recíproco e Um Rabisco e Um CAfé.