Clipe traz música instrumental de Puppi, mas cheio de mensagens

 

"Cidadão do mundo, Federico Puppi reflete os lugares por onde passou. Seja em sua terra natal, a Itália; nos países da Europa e da África, onde fez turnê com Maria Gadú; ou mesmo no Brasil, pátria que o acolheu. A musicalidade de cada local influenciou no disco do violoncelista e produtor, e o resultado se observa no single “Ciranda dos Náufragos”. De uma forma peculiar, a música relaciona o vai-e-vem do mar, que eventualmente assume o seu lugar, e os imigrantes, que enfrentam as tormentas políticas para (re)conhecer um novo lar", disse a assessoria do músico em release, o que eu não mudei, pois achei que esse trecho define muito bem a intenção de Puppi.

O clipe pode ser considerado genial, por fazer algo que pouco gente imaginaria. No vídeo, Pppi aparece tocando num telão em um grande prédio, com a direção, edição e filmação de Almir Chiaratti, que de novos ares a imagem do músico. "A ideia do clipe nasceu numa mesa de um botequim na Lapa depois de um show. Conversando com Almir Chiaratti, diretor do clipe, chegamos na ideia de projetar a minha imagem em todo lugar da cidade. De alguma forma eu virei o náufrago e estando em todo lugar, mostro que os náufragos estão por todo lado, é só observar", explica Puppi

Puppi é da Itália, mas radicado no Rio de Janeiro e com extensa relação com a música brasileira.