Momentos caóticos na política e também da história da mesma inspiraram essa parceria entre Arthus Fochi e Chico Chico (filho de Cássia Eller) com o single FIDEL CASTRO NÃO MORREU. O vídeo faz parte do projeto Ano Sabático, que é uma iniciativa de Fochi, na qual, mensalmente ele convida um artista brasileiro ou da América Latina para gravar uma sessão. O primeiro convidado foi o venezuelano José Delgado na música RONDA DA MATA, e no segundo vídeo, entrou Chico Chico.

Arthus explica que o vídeo e a canção fazem referência a momentos muito importantes na história latino-americana. “A letra fala de um momento político em que os partidos e ideologias que nortearam todo o século XX não possuem mais credibilidade, porém continuam com uma força, dúbia e rançosa, e sem uma nova fórmula que substitua essas peças”, disse.

Além de Chico, também participam da faixa os músicos Gabriel Barbosa (bateria), Gui Marques (baixo synth e Rhodes), Pedro Paulo Junior (trompete) e o próprio Arthus Fochi (violão).

 

A música começa a partir do 1 minuto.

 

(Fonte: Tenho Mais Discos Que Amigos)