Por Taís Cardoso

 

A canção SORTE presente no álbum de estreia de Raquel Reis, QUITINETE, acaba de ser ilustrada com um clipe, protagonizado pela atriz mirim Manu, na qual a pequena artista mostra toda a inocência de ser criança, tudo isso dentro de um quarto, onde a imaginação "voa solta", como acontece no mundo das crianças.

“No clipe temos dois espaços-mundos, o espaço Quitinete, que é retratado no quarto da criança, e o espaço Sonho, que é retratado no ambiente lúdico da floresta. E a narrativa se dá focando nos movimentos leves e naturais da criança, improvisados pela própria Manu, trazendo a leveza do que é a sorte pra uma criança. Porque a sorte pra uma criança pode estar no seu amigo imaginário, no seu urso de estimação, nas coisas mais simples e abstratas, e isso é lindo!”, emociona-se Raquel Reis.

Manu, por destino ou coincidência mesmo, já tinha grande vontade de atuar. Foi com o clipe, que ela teve sua primeira oportunidade. A criança foi encontrada pela própria Raquel no instagram.

“A princípio eu realmente queria uma criança especial, mas deixei aparecer a criança para esse papel que conseguisse trazer a verdade para mim, por seu meu novo começo em 2018. E pela coincidência (ou destino), encontrei a Manu, que se tornou a minha menina de Sorte”, relembra Raquel.