Conecte-se conosco

Literatura

Fagner comenta morte de parceiro musical Ferreira Gullar

Matheus Luzi

Publicado

em

gullarMúsica “Borbulhas de amor”, grande sucesso de Fagner, teve composição em versão brasileira compartilhada com o poeta falecido no domingo Ferreira Gullar. A canção fez muito sucesso na voz de Fagner, que emocionado falou sobre o escritor Gullar.

“Tenho certeza que ele não queria ir embora agora, o Gullar conhecia bem o momento político, por tudo que passou na vida, e tinha muitas coisas para dizer. Havia muitas coisas que ainda queríamos fazer, o Brasil perde um de seus maiores poetas”.

Fagner conta que ainda tem vários poemas de Gullar para serem musicados e no trecho abaixo fala da versão brasileira da música “Burbujas de amor”.

“Mas eu teria que escolher para fazer a versão alguém que fosse fazê-la bem, e que fosse respeitado, já que eu recebia muita pancada da crítica. Quando ofereci ao Gullar, que era meu parceiro, ele ficou um pouco com o pé atrás porque era uma versão, mas depois curtiu muito. Ele teve o maior cuidado em dar dignidade à música, que virou uma das canções mais populares da história da música brasileira”.

 

 

O músico e o Gullar foram apresentados pelo poetinha Vinicius de Moraes.

“O Vinicius me disse, “Faguinho, já está na hora de eu ir embora, mas vou deixar com você o maior poeta brasileiro” — recordou-se Fagner, que faria em parceria com Gullar as canções “Traduzir-se”, “Me leve (cantiga para não morrer)”, “Contigo” e “Rainha da vida”. — Compor com ele era uma aula. Muitas pessoas precisam de um dicionário para fazer letra, ele era a própria enciclopédia”.

Lamentando, Fagner deu sua ultima fala:

“Perdemos um grande brasileiro. E eu perdi um amigo que me amava, me respeitava e que me abria porta”.

 

(Fonte: O Globo)

 

 

 

 

Fundador e editor da Arte Brasileira. Jornalista por formação e amor. Apaixonado pelo Brasil e por seus grandes artistas.

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish