Conecte-se conosco

Literatura

[CONTO] “E aí, se formou? Ficou? Namorou? Casou?”, de Luan FH

Luan FH

Publicado

em

 

— Vamos sair? Hoje eu quero me divertir, sinceramente há uma consumação demasiada nos últimos dias. Muitas cobranças e pouco apoio. 

— A carteira de cigarro vai comigo.

— Tudo bem.

Criança adora tentar pular etapas, ‘eu quero ficar logo adulto e poder fazer o que quiser’, sem mal saber da merda que disse. Nunca imaginamos como é a vida adulta e se soubéssemos, com toda certeza iríamos lutar para permanecer criança. Só que a vida é assim, de envelhecimento. Tem pessoas que nascem com muita sorte e outras que são azaradas — Bebi a minha primeira dose de álcool ainda com dezesseis, enchi a cara e apanhei — Na época ainda era muito inocente…

Meu sonho era ficar na cidade grande, me encantava aqueles tantos prédios, tantos vira-latas e aquele tanto de gente andando nas ruas. Avenidas, orlas, shoppings, passarelas, rodoviárias, aeroportos. Uma gritaria tão alta, só que não conseguia escutar o grito do coração. Tão apertado. Tão melancólico. 

Na minha chegada à cidade grande, percebi aquele tanto gente sem teto, tanta fome e a bandeira levantada invisível em seus olhos: ”Me ajuda, eu quero paz entre meus mundos dentro de mim”, foi então que notei a minha inutilidade — Eu, uma mulher numa cidade tão grande, à mercê do desamor. Chorando por ter recebido um pão inteiro enquanto um pombo recebe migalhas e fica tão feliz. Desacostumei a lidar com gentileza, já que ser sutil nunca foi o meu forte — Eu ouço sirenes soando, meu nariz escorrendo, o cachorro latindo, o Terno tocando no show e a gritaria por mais uma música. Eu vejo a solidão afagando a companhia, toco-me para dentro e sinceramente, prefiro a cegueira do amor, talvez lá eu possa sentir ao ler toda sinceridade que o amor me prometeu, em braile. 

— Apaga a luz e me beija, e se for foder, me fode com carinho. 

— Eu preciso sentir teus beijos enquanto ainda me resta fôlego!

Minha tia toda vez que me ver pergunta se eu já casei, ou estou namorando, se eu me formei, e é sempre o ‘se’, e é sempre a mesma coisa. E é tão chato ter essa cobrança, parece forçado amorosamente, parece que só sou um ser humano caso consiga manter relações ou status colegiais. Você só é uma pessoa culta caso tenha faculdade — Só há um erro nisso; quanto mais conhecimento obtenho, mais melancólica fico —  Pensando bem eu aprecio bem os momentos e o Marcelo me ensinou ”Se você ficar sozinho, pega a solidão e dança”. Desde então todo dia danço a solidão na esperança de ter um par para a vida.  

 

——– Conto de Luan FH ——-

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish