23 de junho de 2024
Além da BR

Caminhe para o infinito com a canção “Two Hands Holding Me” de AMADOUR

O cantor e compositor norte-americano AMADOUR fez sua estreia fonográfica este com o EP “Western Movie Dream”. Aqui, nesta publicação, iremos indicar a terceira faixa, “Two Hands Holding Me”, que também foi lançada em single antes do EP. A música, que é demasiadamente romântica, teria surgido num momento de introspecção e de forma espontânea, algo que percebemos na sonoridade, poesia da canção.

“Escrevi esta canção em Sausalito, na igreja em uma colina onde praticaria piano quando adolescente.”, e ele continua sua explicação “Eu estava realmente apaixonado na época e isso saiu de mim como uma melodia em poucos minutos. Depois peguei a balsa para San Francisco, o resto da música vou guardar para mim”

A sonoridade desta canção é particularmente um caminho para o infinito, talvez algo que nos lembre no Brasil o cantor Jessé. Por outro lado, AMADOUR nos conta que tomou como inspiração a discografia de Queen, Dalida, Frank Sinatra e a Era de Ouro dos anos 1960 e 1970. “A instrumentação e as harmonias são inspiradas nesses artistas, criando uma mistura única de nostalgia e modernidade. Com letras que levam os ouvintes a uma jornada onírica, AMADOUR aborda temas como amor, juventude e autobondade.”, contou ele em entrevista à Arte Brasileira.

Tanto “Two Hands Holding Me” como o EP “Western Movie Dream” estão super indicados por nós. Confira!

Letra de “Two Hands Holding Me”

O verão brilha nas folhas do verde
É você que eu amo, cabelos dourados à beira-mar
Olhos cor de avelã se derretem com a luz em constante mudança
Nossas almas estão destinadas a se encontrar
O sol brilha junto com a brisa na minha pele
É você, meu amor. Eu vejo você sorrir
Rosto bronzeado com seu nariz na minha bochecha
Diga-me que tudo isso é um sonho
Duas mãos me segurando
Pequenas casas íngremes nas colinas
O sobe e desce do seu peito
Seus olhos estão fechados e eu estou em meus pensamentos
Olhando para fora desta cama desarrumada
Beija-flores nas árvores
Eufonia das Montanhas Gêmeas
Em meu coração adolescente
Do outro lado da baía
O sonhador completamente acordado

administrator
Fundador e editor da Arte Brasileira. Jornalista por formação e amor. Apaixonado pelo Brasil e por seus grandes artistas.