21 de fevereiro de 2024
Além da BR

Perspectivas divergentes e pacíficas sobre astrologia colidem no single de estreia da banda intercontinental Breakfast [ENTREVISTA]

Banda: Breakfast (Intercontinental: Brasil, Inglaterra, Argentina e Nigéria)

Música: Mystical

Compositores: Andrew Staffell, Leandro Casquero, Rafael Viscardi

Produção musical: Jason Boshoff

Ano de lançamento: 2023

Respostas dos integrantes da banda

Em resumo, o que é esta música?

  • Rafa: Além de ser o nosso primeiro single, “Mystical” é um diálogo musical que captura a essência de uma conversa casual sobre astrologia, oferecendo um espaço onde crença e ceticismo podem coexistir em harmonia. É um convite para dançar na linha tênue entre o que está escrito nas estrelas e o que escrevemos com nossas próprias mãos.
  • Simbi: “Mystical” encapsula perfeitamente a gama completa de referências sonoras que definem o som único da banda: desde o tropical até o cósmico, do dançável até o funky e groovy. É uma fusão que nos representa na sua totalidade e introduz o ouvinte à nossa identidade musical multifacetada.

O que, especificamente, os versos dizem?

  • Rafa: Os versos sugerem uma conversa onde o narrador carrega um tom mais cético e o seu interlocutor uma visão mais esotérica. É a representação de uma tensão muito atual, sem inclinar-se demais para nenhum dos lados, refletindo e provocando reflexão no ouvinte.
  • Andrew: A música não narra diretamente um diálogo, mas evoca a sensação de estar em uma conversa onde duas perspectivas divergentes sobre astrologia colidem. Buscamos capturar essa dinâmica social contemporânea, explorando a dança entre crença e ciência de um jeito que seja convidativo ao debate e à ponderação pessoal.

Qual sua mensagem ao mundo?

  • Rafa: Não é tanto sobre enviar uma mensagem definida, mas abrir um diálogo. É sobre a beleza do questionamento e a viagem de descobrir o que realmente ressoa conosco em um mundo saturado de informações e supostas verdades.
  • Simbi: Musicalmente, estamos buscando transmitir uma mensagem de positividade. Queremos que a energia boa da nossa música seja contagiante, que as pessoas sintam essa vibe positiva e que isso as inspire a viver a vida com um sorriso.

Como esta música surgiu?

  • Rafa: A ideia para “Mystical” surgiu de interações reais onde me vi sendo analisado através do filtro dos signos do zodíaco de maneiras que pareciam simplificar demais a complexidade humana. Quis criar uma obra que fosse reflexiva e ao mesmo tempo acessível, algo com o qual todos pudessem se identificar e participar.
  • Leandro: Rafa trouxe a letra e a melodia, e todos nós imediatamente vimos o potencial de contar essa história comum de uma forma nova e vibrante. A música se tornou um meio para explorar essas interações cotidianas que todos temos, mas com uma trilha sonora que, esperamos, leva a uma reflexão mais profunda.

Qual o significado da capa do single?

  • Andrew: A capa é uma representação visual de uma das linhas da música “Não é porque sou de Peixes que esqueci de recolher meus pedaços do chão”‘, mas com a intenção de trazer conotações mais profundas sobre a natureza e coesão da nossa identidade pessoal.

Há alguma história ou curiosidade interessantes sobre este lançamento?

  • Simbi: Na verdade, gravamos “Mystical” duas vezes, nos estúdios Room To em Barcelona, em colaboração com nossos brilhantes produtores Óscar García Bragado e Jason Boshoff. Levou quase um ano e meio para terminar, em parte por questões logísticas e de disponibilidade, e em parte porque estávamos tentando descobrir exatamente qual deveria ser o som de estúdio do Breakfast.
  • Andrew: Esse processo prolongado acabou sendo uma jornada de descoberta para nós. Cada sessão nos levava mais perto do som que sentíamos que realmente representava a banda. O tempo que levou foi um reflexo do nosso comprometimento em acertar, para que a música soasse exatamente como queríamos.

Qual a ligação desta música com a cultura e música espanhola?

  • Leandro: Embora “Mystical” não tenha uma ligação direta com a cultura espanhola, é um produto da vibrante cena musical de Barcelona. A diversidade cultural da cidade se reflete em nós, a banda, com membros do Brasil, Inglaterra, Argentina e Nigéria. Essa mistura de influências e experiências se transparece na música que criamos, tornando-a tão cosmopolita quanto a própria cidade.

O que esta música diz sobre sua carreira?

  • Rafa: Para nós, “Mystical” anuncia a chegada do Breakfast como um projeto sério no cenário musical global. Apesar de já estarmos fazendo música há alguns anos e termos feito uma série de shows ao vivo incríveis, o projeto ainda parecia um pouco embrionário na ausência de músicas lançadas. Agora, pela primeira vez, quando nos perguntam “vocês estão no Spotify?”, podemos dizer triunfantemente “sim”. Portanto, é como o tiro de largada, e o início de um enorme novo capítulo.
  • Leandro: Esta faixa marca um ponto de inflexão para nós. É a concretização de muitas ideias e sonhos. É o momento em que passamos de uma banda que só fazia shows ao vivo para uma que também tem uma presença digital palpável. “Mystical” é a nossa forma de dizer que chegamos e estamos prontos para deixar a nossa marca.

administrator
Fundador e editor da Arte Brasileira. Jornalista por formação e amor. Apaixonado pelo Brasil e por seus grandes artistas.